domingo, 2 de abril de 2017

Lição 2 - A intensidade das profecias de Jeremias

Aula presencial dia 9 de abril de 2017

Estimados professores,   acredito que já tenha percebido que nosso slide semanal  traz uma abordagem completa de todos os pontos abordados na lição. É um resumo da lição fazendo uso de uma metodologia moderna de ensino,  tornando-o mais eficiente e efetivo. Aplica-se a todo o conteúdo da lição, ilustrações com figuras relacionadas com cada tópico a ser ensinado.  Faça bom uso !  Divulgue e Compartilhe.


1 - Ensinar que a idolatria continua sendo um mal para a humanidade;
2 - Revelar que, mesmo advertido, o povo não se voltou para o Senhor;
3 - Mostrar aos alunos que o orgulhoso sempre é abatido.

 Texto Áureo
“Assim diz o Senhor: Que injustiça acharam vossos pais 
acharam em mim, para se afastarem de mim, indo após a vaidade 
e tornando-se levianos” (Jeremias 2:5)

Verdade Aplicada
Mesmo que os pecados estejam escondidos,
trazem o castigo sobre si.
  
Motivo de Oração
Ore pela proteção de Deus sobre sua vida e ministério.

Hinos sugeridos.
Antes de Assistir os vídeos, se a radio do site estiver tocando, suba a página até a radio e 
toque no vídeo da musica que estiver tocando para interromper o som.

20 - Olhai pra o Cordeiro de Deus

225 - Sê Valente

403 - Gozo Real



Jeremias  2:1-4
1 - E veio a mim a palavra do Senhor, dizendo:
2 - Vai e clama aos ouvidos de Jerusalém, dizendo: Assim diz o Senhor: Lembro-me de ti, da beneficência da tua mocidade e do amor dos teus desposórios, quando andavas após mim no deserto, numa terra que se não semeava.
3 - Então, Israel era santidade para o Senhor, e as primícias da sua novidade; todos os que o devoravam eram tidos por culpados; o mal vinha sobre eles, diz o Senhor.
4 - Ouvi a palavra do Senhor, ó casa de Jacó, e todas as famílias da casa de Israel.

Segunda-Feira –  Jeremias 2:6 
2 : 6Eles não perguntaram: Onde está o Senhor, que nos trouxe do Egito e nos conduziu pelo deserto, por uma terra árida e cheia de covas, terra de seca e de trevas, terra pela qual ninguém passa e onde ninguém vive?

Terça-Feira –  Jeremias 2:7 
2 : 7Eu trouxe vocês a uma terra fértil, para que comessem dos seus frutos e dos seus bons produtos. Entretanto, vocês contaminaram a minha terra; tornaram a minha herança repugnante.

Quarta-Feira –  Jeremias 2:8 
2 : 8Os sacerdotes não perguntavam pelo Senhor; os intérpretes da lei não me conheciam, e os líderes do povo se rebelaram contra mim. Os profetas profetizavam em nome de Baal, seguindo deuses inúteis.

Quinta-Feira –  Jeremias 2:11 
2 : 11alguma nação já trocou os seus deuses? E eles nem sequer são deuses! Mas o meu povo trocou a sua glória por deuses inúteis.
  
Sexta-Feira –  Jeremias 2:13 
2 : 13O meu povo cometeu dois crimes: eles me abandonaram, a mim, a fonte de água viva; e cavaram as suas próprias cisternas, cisternas rachadas que não retêm água.

Sábado –   Jeremias 2:19 
2 : 19O seu crime a castigará e a sua rebelião a repreenderá. Compreenda e veja como é mau e amargo abandonar o Senhor, o seu Deus, e não ter temor de mim, diz o Soberano o Senhor dos Exércitos.


IMPORTANTE
Apresento neste BLOG o Esboço da Lição e os comentários como 
professor de EBD em cima do PAE - PLANO DE AULA EXPOSITIVA 
da Revista Betel Dominical (Adultos) disponibilizado para utilização
no site: http://editorabetel.com.br/auxilio/beteldominical/
NÃO APRESENTO O CONTEÚDO COMPLETO DIGITALIZADO DAS REVISTAS
TENHA SUA REVISTA EM MÃOS E FAÇA UM BOM ESTUDO !

ESBOÇO DA LIÇÃO
Introdução
1. Um profeta para pregar contra o pecado.
2. Um homem à frente das profecias.
3. Deus quer restaurar o seu povo.
Conclusão





INTRODUÇÃO
Nesta lição, veremos a atuação e a intensidade do profeta Jeremias em suas profecias. Ele é um exemplo ao mostrar para nós que não devemos nos calar diante do pecado.
Os dicionários definem intensidade como qualidade do que é intenso. Na pratica esta palavra é muito utilizada, na física a intensidade da corrente é a quantidade de carga elétrica que passa por um condutor (amperagem). Se falarmos do som a intensidade do som é que nos permite caracterizar se o som é forte ou fraco. No caso da intensidade das profecias de Jeremias, intensidade tem o sentido de influencia, força e efeito que tinha as palavras de Deus proferidas
por Jeremias.

TEXTO ÁUREO.
Assim diz o Senhor: Que injustiça acharam vossos pais em mim, para se afastarem de mim, indo após a vaidade e tornando-se levianos? (Jr 2.5)
Comente com a classe que leviano é o Indivíduo que se comporta de modo irresponsável e insensato: os levianos tendem a ser inconseqüentes.

VERDADE PRÁTICA.
Mesmo que os pecados estejam escondidos, trazem o castigo sobre si.
Comente com a classe que aquele que confessa o seu pecado e deixa de praticá-lo alcança misericórdia.
O que encobre as suas transgressões nunca prosperará, mas o que as confessa e deixa, alcançará misericórdia. (Pv 28.13)

1. UM PROFETA ELEITO POR DEUS.
Deus convocou Jeremias num momento muito complicado da história de Judá. Usou-o para desafiar o povo a ser fiel à aliança do Senhor (Jr 2.19). Sua mensagem era clara e concisa para um povo rebelde, que insistiu em marchar rumo à punição divina, não ouvindo a voz do Senhor (Jr 26.11).
Mas o que profetiza fala aos homens para edificação, exortação e consolação. (1Co14.3)
No caso especifico da lição era para exortar Israel, quando a profecia não tem este tríplice propósito fique atento quanto a veracidade da mesma.

1.1. Israel no altar da idolatria.
O povo de Israel havia aprendido com relação a idolatria. Quando Moises quebrou a tabua da lei,foi justamente porque o povo estava fazendo o oposto ao que estava escrito naquela tabua.
Eu sou o Senhor teu Deus, que te tirei da terra do Egito, da casa da servidão.
Não terás outros deuses diante de mim.
Não farás para ti imagem esculpida, nem figura alguma do que há em cima no céu, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. (Êxodo 20:2-4).
O que levou Israel a pratica da adoração a (Astarte) considerada pelos idolatras como “rainha do céu” foi o afastamento de Deus. Afastar-se de Deus é estar insensível à voz de Deus e a sua vontade.
O Senhor está convosco enquanto vós estais com Ele; se o buscardes o achareis; porém, se o deixardes, ele vos deixará. (II Cron 15:2)

1.2. As advertências do profeta.
O comentarista da lição faz uma observação muito importante dizendo que:
Idolatria não são somente as imagens de deuses, mas todas as coisas que venham ocupar o Seu lugar em nossas vidas. A idolatria é um dos piores pecados, visto que Jesus afirmou que o maior de todos os mandamentos é amar a Deus de todo o coração, alma e mente (Mt 22.37). Se adoramos algo que não seja o Senhor, não O amamos de todo coração. Em momento algum, Deus divide a Sua glória com alguém (Is 42.8). (suplemento do professor).
Filhinhos, guardai-vos dos ídolos. (1 Jo 5.21)

1.3. Obediência: valor para a vida.
Professor comente que a obediência é uma forma de manifestarmos o nosso amor pelo Senhor, quando Daniel. Hananias ,Azarias e Misael propõem não se contaminar com o manjar do rei,sem duvidas foi uma manifestação de amor a Deus e aos seus mandamentos.
Daniel, porém, propôs no seu coração não se contaminar com a porção das iguarias do rei, nem com o vinho que ele bebia; portanto pediu ao chefe dos eunucos que lhe concedesse não se contaminar.
Quando nos propomos obedecer, o Senhor nos ajuda cumprir o nosso propósito.
Ora, Deus fez com que Daniel achasse graça e misericórdia diante do chefe dos eunucos. (Dn 1:8,9)

2. UM HOMEM À FRENTE DAS PROFECIAS.
Em seu livro, Jeremias se refere diversas vezes a uma série de eventos que aconteceria caso o povo não voltasse seu coração para Deus (Jr 14.12-15). O povo se ajuntava no templo e pensava que sua segurança estava na religiosidade e não em Deus.
O comentarista aborda o fato de o povo se ajuntar no templo e pensar que sua segurança estava na sua religiosidade e não em Deus.
Não se espante, mas hoje há muitos que pensam que fazer parte da Igreja de Jesus é estar dentro do espaço físico (templo) ou denominação. Enquanto fazer parte da igreja é ser membro do corpo de Cristo.
Ora, vós sois corpo de Cristo, e individualmente seus membros. (1Co12.27)

2.1. Maldita entre as nações.
Professor destaque: “Juízo de Deus” que é o contexto deste tópico.
Juízo: Ato, processo ou efeito de julgar; julgamento.
Juízo de Deus também é uma forma da manifestação do amor de Deus. O povo se afastava de Deus e em conseqüência vem justiça , juízo,misericórdia como prova do cuidado de Deus e seu imenso amor pelos seus...
Justiça e juízo são a base do teu trono; benignidade e verdade vão adiante de ti (Sl 89.14).
 pois o Senhor corrige ao que ama, e açoita a todo o que recebe por filho. (Hb 12.6)   

2.2. Deus cuida de nós o tempo todo.
É importante deixar bem claro que estar sob os cuidados de Deus envolve diversas situações como: momentos de alegria e bonança, de enfermidade, sendo provados, passando por momentos de dificuldades financeiras, passando por um momento de aflição etc.
Quando temos o Senhor conosco podemos senti-lo em qualquer circunstancia.
Sei estar abatido, e sei também ter abundância; em toda a maneira, e em todas as coisas estou instruído, tanto a ter fartura, como a ter fome; tanto a ter abundância, como a padecer necessidade. Posso todas as coisas em Cristo que me fortalece. (Fl 4:12,13)

2.3. Deus se importa conosco.
Além dos exemplos do comentarista acredito que um dos textos bíblico que nos ensina sobre como Deus se importa conosco são os mencionados:
Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. (João 3:16,17)
Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores. (Rm 5.8)

3. DEUS QUER RESTAURAR O SEU POVO.
A Bíblia no Antigo Testamento nos apresenta um total de 17 livros dos profetas para 16 autores, sendo que Jeremias registrou dois, o livro que apresenta o seu nome e Lamentações. A mensagem a respeito da restauração do povo de Deus foi uma tônica dos profetas (Is 61.1-4). Deus sempre almejou um futuro glorioso para os Seus.
É desejo de Deus restaurar o homem ou nação caída, restaurar é o mesmo que reparar, recuperar, consertar. A restauração de Israel não dependia somente de Deus mas de arrependimento do povo e mudança de atitude.
Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós. Alimpai as mãos, pecadores; e, vós de duplo ânimo, purificai os corações.
Senti as vossas misérias, e lamentai e chorai; converta-se o vosso riso em pranto, e o vosso gozo em tristeza.
Humilhai-vos perante o Senhor, e ele vos exaltará. (Tg 4:8-10)

3.1. Mensagem do pacto violado.
O que é um concerto? O termo usado no Antigo Testamento para “concerto” é berit, “pacto, aliança”, que literalmente indica obrigação entre pessoas como amigos, marido e mulher; entre grupos de pessoas; ou entre divindade e indivíduo ou um povo. Sua etimologia é incerta. A Septuaginta emprega o termo grego diatheke, “pacto, aliança, testamento”, ou seja, a mesma palavra usada por Jesus ao instituir a Ceia do Senhor. O Antigo Testamento fala de três concertos: com Noé, com Abraão e com Israel no monte Sinai (Gn 9.8-17; 15.18; Êx 24.8). O Novo Testamento fala do novo concerto que o Senhor Jesus fez com toda a humanidade (Mt 26.28; Hb 8.13). (Lições CPAD Jovens e Adultos  2015  1º Trimestre)
O concerto estava escrito em um livro da aliança e o mesmo foi lido para o povo, este livro está mencionado nos capítulos 19 ao 24 do livro de Êxodo.
E tomou o livro da aliança e o leu aos ouvidos do povo, e eles disseram: Tudo o que o Senhor tem falado faremos, e obedeceremos.
Então tomou Moisés aquele sangue, e espargiu-o sobre o povo, e disse: Eis aqui o sangue da aliança que o Senhor tem feito convosco sobre todas estas palavras. (Êx 24:7,8)

3.2. A podridão dos pecados do povo.
Ao utilizar aquele cinto apodrecido para tipificar a situação espiritual do povo, podemos entender que Deus utilizou-se de método concreto para que o povo entendesse. l.Hoje Deus continua falando conosco pelo Espírito Santo nos mostrando o que precisamos melhorar a cada dia para que vivamos a aliança que estabelecemos com nosso amado Jesus .
Mas, quando vier aquele Espírito de verdade, ele vos guiará em toda a verdade; porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido, e vos anunciará o que há de vir.
Ele me glorificará, porque há de receber do que é meu, e vo-lo há de anunciar.
Tudo quanto o Pai tem é meu; por isso vos disse que há de receber do que é meu e vo-lo há de anunciar. (Jo 16:13-15)

3.3. Deus castiga o Seu povo.
Castigo é sinônimo de: punição, pena, penalidade, sentença, condenação, correção.
O castigo é mencionado diversas vezes desde a criação do Homem, ao pecar Adão e Eva foram punidos com a expulsão do Jardim do Éden. Em algumas situações o castigo tem  objetivo punitivo em outras situações tem objetivo corretivo.Exemplos:
Punitiva- destruição de Sodoma e Gomora
Porque nós vamos destruir este lugar, porque o seu clamor tem aumentado diante da face do Senhor, e o Senhor nos enviou a destruí-lo. (Gn 19.13)
Corretivo - Israel peregrinando 40 anos pelo deserto
E te lembrarás de todo o caminho, pelo qual o Senhor teu Deus te guiou no deserto estes quarenta anos, para te humilhar, e te provar, para saber o que estava no teu coração, se guardarias os seus mandamentos, ou não.
E te humilhou, e te deixou ter fome, e te sustentou com o maná, que tu não conheceste, nem teus pais o conheceram; para te dar a entender que o homem não viverá só de pão, mas de tudo o que sai da boca do Senhor viverá o homem.
Nunca se envelheceu a tua roupa sobre ti, nem se inchou o teu pé nestes quarenta anos.
Sabes, pois, no teu coração que, como um homem castiga a seu filho, assim te castiga o Senhor teu Deus. (Dt 8:2-5)
No caso de Israel na lição em estudo, Deus tinha uma promessa com o povo e desejava que o povo desse ouvido à sua palavra e o castigo seria uma forma de trazer de volta aqueles que estavam se afastando.
Ouvi a palavra do Senhor, ó casa de Jacó, e todas as famílias da casa de Israel; (Jr 2.4).

CONCLUSÃO
Quando Deus faz uso de um profeta para advertir Seu povo, não quer dizer que Ele não ama esse povo. A exortação de Deus é para que o homem se converta e abandone a prática do pecado. O profeta tem a finalidade de revelar o amor de Deus, a misericórdia, o juízo e o chamado ao arrependimento.

Bibliografia
Biblia de estudo pentecostal, Almeida revista e corrigida, Rio de Janeiro, CPAD
Revista EBD Betel Dominical Professor - 2 trimestre 2017, ano 27, número 103 - Editora Betel
PAE - Plano de Aula Expositiva - Auxílio EBD - http://editorabetel.com.br/auxilio/beteldominical/
Comentário Bíblico Beacon. Vol 4: Isaías a Daniel. RJ: CPAD, 2005



1. Qual “deusa” o povo de Judá cultuava?
R: A “rainha do céu”, uma referência à deusa Ishar (Arstarte) (Jr 7.18)..

2. Onde ela era adorada?
R: Na Mesopotâmia (Jr 7.18).

3. Qual era o pior pecado para Jeremias?
R: Abandonar o Senhor (J 2.13).

4. Qual foi a tônica das mensagens dos profetas?
R: A restauração do povo de Deus (Is 61.1-4).

5. Onde Jeremias enterrou o cinto de linho?
R: Na fenda do rio Eufrates (Jr 13.5).


                                    AGORA VAMOS AOS VÍDEOS SOBRE ESTA LIÇÂO.  TENHA BOM ESTUDO !                                  
Antes de Assistir os vídeos, se a radio do site estiver tocando, suba a página até a radio e 
toque no vídeo da musica que estiver tocando para interromper o som.



                 
                                                                                                                                                                                        
[     

Olá, estimado professor, a paz do Senhor Jesus, vamos ao material de apoio ? 
Achei algumas pérolas na minha coleção de revistas da EBD, segue abaixo:

                      A voz profética tem caráter confrontativo
A Igreja precisa compreender a importância que ela tem no contexto atual e assumir a responsabilidade de ser uma voz profética de confrontação. Confrontar os homens quanto aos seus pecados (Mc 6:18), quanto à santidade de Deus (I Pe 1:15), às injustiças sociais (Am 5:11-15), desigualdades (Lc 3:11), à fonte de salvação (At 4:12) e quanto ao tempo da salvação: “Buscai o Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto” (Is 55:6).
(Pr. Lourival Dias Neto - Revista Betel - Lição 11 - 1 Trimestre - 2002 - página 47)

                      A verdadeira voz profética é denunciativa
Equilíbrio, essa é a palavra de ordem quando a Igreja exerce o seu papel de verdadeira voz profética quanto ao mundo (At.20:27). Não estamos autorizados a falar além do que a própria Palavra de Deus nos autoriza (2Co 4:2). É preciso ter senso e muita submissão ao Espírito Santo para não assumirmos posições extremadas que, ora condena tudo, ou ora aceita tudo (Cl 2:8,18; 1Tm 4:3). O certo é que qualquer dom exercitado tem que ter como base o amor (1Co 13:2).
a)    A Igreja denuncia o pecado: É preciso que se denuncie as consequências do pecado, o seu poder destruidor de aniquilar as vidas, separar a família, separar o homem de Deus, trazer pestes e doenças, ódio e desavenças, inimizades e condenação. É de absoluta importância que se fale de seu salário: ”Porque o salário do pecado é a morte” (Rm 6:23).
b)   A igreja aponta para o amor de Deus: A mesma voz que denuncia: “o salário do pecado é a morte”, é a mesma que declara “o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus, nosso Senhor” (Rm 6:23). A mesma voz que denuncia: “todo o mundo está no maligno” (I Jo 5:19), é a mesma que declara: “para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo” (I Jo 3:8)
c)    A igreja chama ao arrependimento: A Igreja deve imitar o evangelista João: “E, naqueles dias, apareceu João Batista pregando no deserto da Judéia e dizendo: Arrependei-vos, porque é chegado o Reino dos céus” (Mt 3:1,2). É regra que ao final de toda boa mensagem segue-se o apelo (Is 53:1). O grande êxito do cristianismo reside no chamamento que a Igreja, através da sua mensagem salvadora, faz ao mundo. Pedro, no dia de pentecostes, tomado de poder e graça do Espírito, conclamou o povo ao arrependimento (At 2:37).
(Pr. Lourival Dias Neto - Revista Betel - Lição 11 - 1 Trimestre - 2002 - página 47)




Idolatria Evangélica
Será que existe idolatria no meio evangélico ? Engana-se quem pensa que idolatria é somente caracterizada quando alguém prostra diante de um ídolo de pedra, metal, barro. Quando qualquer pessoa ou coisa ganha espaço no nosso coração tomando o lugar de Deus, podemos chamar de idolatria. Algumas igrejas "evangélicas" praticante do cristianismo-judaizante, na minha humilde opinião tem cometido o pecado da idolatria. Estão adorando e reverenciando réplicas de objetos sagrados do judaísmo. Veja vídeos com cenas fortes. Isto não é idolatria ? loucura dos homens ? Falta de Sabedoria ? o que seria isto ?






Apostasia, não podemos nos calar !


Amados, como ficar calado diante das apostasias que estão entrando nas igrejas ditas "evangélicas" ? Que Deus possa levantar muitos profetas como Jeremias, para convocar o povo ao retorno as origens do verdadeiro evangelho. Oremos pelas igrejas evangélicas, assim como a restauração de Israel dependia do arrependimento do povo e de mudança de atitude, assim também se encontra o povo evangélico.
O povo de Israel se afastou de Deus e se apegaram a religiosidade, acharam estar seguros e fazendo a vontade de Deus, todavia, estavam longes de Deus, praticando pecados graves, eles não aceitaram Jeremias como profeta, sua mensagem de convocação ao arrependimento não foi aceita como verdadeira.
Hoje quem prega e ensina a verdade é duramente criticado, mas como vamos ficar calados ? Vejam as apostasias e heresias que estão tomando conta das igrejas ditas "evangélicas" nos dias atuais.
Quando se trata de doutrina falsa, heresias, apostasia entrando nas igrejas ... temos que ser inflexivéis e repudiá-las com todo rigor. Não podemos ser coniventes com o engano, temos que denunciar o pecado, visto que temos o compromisso com a verdade. Moisés não aceitou a prática da fornicação espiritual ao qual Israel havia praticado enquanto ele estava no monte Sinai. Moisés não aceitou a prática da construção e adoração ao Bezerro de Ouro.
"Na igreja de Corinto, os crentes "liberais" estavam bebendo e comendo, com seus vizinhos, nos templos pagãos, coisas que eram oferecidas aos ídolos. Paulo diz que eles buscavam beber o cálice do Senhor e o cálice dos demônios, provocando dessa forma o zelo do Senhor (1 Co 10:21,22)" [1]
Amados não podemos tolerar o pecado, devemos denunciá-lo, pregar a verdade, para que Deus possa trabalhar e convencer pelo Espírito Santo os pecadores ao arrependimento. Jeremias estava fazendo isso.






Alfabeto do Cristão é O-B-D-C
Amados, Estava lendo um pouco sobre a importância da obediência à Deus na vida do Cristão, e logo de cara deparei com este versículo bíblico: “Acaso tem o Senhor tanto prazer em holocaustos e em sacrifícios quanto em que se obedeça à sua palavra? A obediência é melhor do que o sacrifício, e a submissão é melhor do que a gordura de carneiros” (1 Samuel 15:22)
O evangelista Nee Shu-tsu (China,1903-1972), conhecido como Watchman Nee, que se converteu ao cristianismo em 1920, preso e morto encarcerado pelo regime comunista após confessar publicamente sua fé em Jesus, deixou vários livros escritos, um deles publicado pela editora vida: Autoridade Espiritual, este livro que todo cristão deveria ler, se trata de um estudo completo sobre a questão da obediência à Deus que vem de encontro ao versículo lido anteriormente, onde o evangelista escreve: “A maior exigência que Deus faz ao homem não é carregar a cruz, servir, ofertar ou negar a si mesmo. É a obediência”.
Ele também comenta; “Por que Samuel disse que a obediência é melhor que sacrificar? Porque mesmo no sacrifício pode haver o elemento da vontade própria. Só a obediência honra a Deus de maneira absoluta, pois só ela coloca a vontade de Deus no centro. Mas, se a vida estiver centrada no ego, a submissão torna-se impossível. Ela é só possível quando alguém vive no Espirito. Essa é a mais alta expressão da vontade de Deus”.
Você gostaria de ler este livro na sua integridade gratuitamente ? 
Segue o Endereço abaixo (Deixa eu continuar a minha leitura parece um livro muito interessante)



Bibliografia
Revista EBD Betel Dominical Professor - 2 trimestre 2017, ano 27, número 103 - Editora Betel
PAE - Plano de Aula Expositiva - Auxílio EBD - http://editorabetel.com.br/auxilio/beteldominical/
Autoridade Espiritual, Watchman Nee, 20 Impressão, 2004, página 
[1] Revista Central Gospel - n.17-  Ano 5 - Lição 7 - Pr.Samuel Lima Malafaia


                                                         MUSICAS ESCOLHIDAS DESTA SEMANA                                                                
Antes de Assistir os vídeos, se a radio do site estiver tocando, suba a página até a radio e 
toque no vídeo da musica que estiver tocando para interromper o som.

Profeta de Deus
Tempo: 5:40 Minutos - Elaine Martins


                                                                                                                                                                                      

Nenhum comentário:

Postar um comentário