segunda-feira, 17 de abril de 2017

Lição 4 - Jeremias: suas crises e solidão

Aula presencial dia 23 de abril de 2017

Estimados professores,   acredito que já tenha percebido que nosso slide semanal traz uma abordagem completa de todos os pontos abordados na lição. É um resumo da lição fazendo uso de uma metodologia moderna de ensino,  tornando-o mais eficiente e efetivo. Aplica-se a todo o conteúdo da lição, ilustrações com figuras relacionadas com cada tópico a ser ensinado.  Faça bom uso !  Divulgue e Compartilhe.


1 - Destacar a importância de confiar na ajuda divina nas horas difíceis;
2 - Entender o quanto é importante valorizar o amor de Deus;
3 - Revelar como sentir-se seguro no Senhor.

 Texto Áureo
“Porque eis que te ponho hoje por cidade forte, e por coluna de ferro,
e por muros de bronze, contra toda a terra, contra os reis de Judá,
contra os seus príncipes, contra os seus sacerdotes e
contra o povo da terra” (Jeremias 1:18)

Verdade Aplicada
Os escritos de Jeremias nos mostram que os servos de Deus
também passam por momentos de angústia e solidão.
  
Motivo de Oração
Ore para que o Senhor fortaleça as mãos dos obreiros
para prosseguir em Sua obra.

Hinos sugeridos.
Antes de Assistir os vídeos, se a radio do site estiver tocando, suba a página até a radio e 
toque no vídeo da musica que estiver tocando para interromper o som.

33 - Com tua mão Segura

169 - Oh! Jesus Me Ama

394 - A Mão do Arado



Jeremias  12:1-3
1 - Justo serias, ó Senhor, ainda que eu entrasse contigo num pleito; contudo, falarei contigo dos teus juízos. Por que prospera o caminho dos ímpios e vivem em paz todos os que cometem o mal aleivosamente?
2 - Plantaste-os, e eles arraigaram-se; avançaram, dão também fruto; chegado estás à sua boca, mas longe dos seus rins.
3 - Mas tu, ó Senhor, me conheces, tu me vês e provas o meu coração para contigo; impele-os como a ovelhas para o matadouro e prepara-os para o dia da matança.

Segunda-Feira –  Salmos 73:1 
73 : 1 Verdadeiramente bom é Deus para com Israel, para com os limpos de coração.

Terça-Feira –  Salmos 73:2 
73 : 2 Quanto a mim, os meus pés quase se desviaram; pouco faltou para que escorregassem os meus passos.

Quarta-Feira –  Salmos 73:3 
73 : 3 Pois eu tive inveja dos soberbos, ao ver a prosperidade dos ímpios.

Quinta-Feira –  Jeremias 12:4 
12 : 4 Ate´quando lamentará a terra, e se secará a erva de todo o campo? Pela maldade dos que habitam nela, perecem os animais e as aves. Pois eles dizem: Ele não verá o nosso fim.
  
Sexta-Feira –  Jeremias 12:5 
12 : 5 Se te fatigas correndo com homens que vão a pé, como poderás competir com cavalos? Se tropeças numa terra segura, o que farás nos bosques do Jordão?

Sábado –   Jeremias 12:6 
12 : 6 Até os teus irmãos, e a casa de teu pai, eles próprios te traíram; eles mesmos clamam após ti em altas vozes. Não confies neles, ainda que te digam coisas boas.


IMPORTANTE
Apresento neste BLOG o Esboço da Lição e os comentários como 
professor de EBD em cima do PAE - PLANO DE AULA EXPOSITIVA 
da Revista Betel Dominical (Adultos) disponibilizado para utilização
no site: http://editorabetel.com.br/auxilio/beteldominical/
NÃO APRESENTO O CONTEÚDO COMPLETO DIGITALIZADO DAS REVISTAS
TENHA SUA REVISTA EM MÃOS E FAÇA UM BOM ESTUDO !

ESBOÇO DA LIÇÃO
Introdução
1. Vocação: um convite para servir
2. Jeremias lamenta sua condição
3. Vale a pena confiar em Deus
Conclusão
Clique aqui para Visualizar o PAE (Plano de Aula Expositiva) da Editora Betel






INTRODUÇÃO
Nesta lição, estudaremos as crises do profeta Jeremias. Observaremos que, em todas as ocasiões, ele corajosamente sustentou a sua fé e convicção no Eterno Deus de Israel.
Na lição de hoje estudaremos que por trás de um grande homem de Deus existe um ser humano que está sujeito aos mesmos desconfortos que produzem um período de crise. O sentido etimológico da palavra
Krísis no grego é a “ação ou faculdade de distinguir e tomar decisão, por extensão é o momento decisivo, difícil de separar, decidir, julgar”. (dicionário houaiss.uol.com.br).
Na prática é exatamente isso que acontece, na crise queremos tomar decisões e devido a circunstancias se torna difícil separar, decidir, julgar. Esta palavra abrange diversas áreas como política,financeira,social, e outras, mas na aula de hoje vamos nos limitar ao contexto da lição..

VERDADE PRÁTICA.
Os escritos de Jeremias nos mostram que os servos de Deus também passam por momentos de angústia e solidão.
Professor destaque em sua classe que diversos homens de Deus viveram momentos de crise, dentre eles podemos citar como exemplo Habacuque.
O peso que viu o profeta Habacuque.
Até quando, SENHOR, clamarei eu, e tu não me escutarás? Gritarei: Violência! E não salvarás?
Por que razão me fazes ver a iniquidade e ver a vexação? Porque a destruição e a violência estão diante de mim; há também quem suscite a contenda e o litígio.
Por esta causa, a lei se afrouxa, e a sentença nunca sai; porque o ímpio cerca o justo, e sai o juízo pervertido (Hb 1.1-4).

1. VOCAÇÃO: UM CONVITE PARA SERVIR
Deus chamou Jeremias, ainda bem jovem, para uma missão especial e de grande importância, e deu a ele os recursos necessários dos quais careceria para combater os sórdidos ataques dos inimigos. A missão de Jeremias não seria nada fácil.
O apóstolo Paulo deixou bem claro como deve agir um servo de Deus: negar-se a si mesmo, perdoar erros, aceitar opinião e ser visionário (Rm 15:1,6).
Servir a Deus é servir aos outros (Gl 5:13). Verdadeiros servos de Deus são prestativos e não egoístas.
Não encontramos nenhum texto bíblico que afirme que Deus chamou alguém para ser servido.
Paulo nos ensinou: Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor. (Gl 5.13).
Jesus nos ensinou: E dizia-lhes: Grande é, em verdade, a seara, mas os obreiros são poucos; rogai, pois, ao Senhor da seara que envie obreiros para a sua seara.(Lc 10.20
Certa vez, Tiago e João pediram ao Senhor lugares de destaques, “à direita” e “à esquerda” de Jesus, quando da implantação do seu Reino (Mc 10.35-37). Os discípulos ainda não haviam compreendido a mensagem de Jesus. A proposta do Nazareno nunca foi a de estabelecer uma hierarquia de poder temporal para a sua igreja, mas a de serviço conforme demonstra sua resposta a eles: “entre vós não será assim; antes, qualquer que, entre vós, quiser ser grande será vosso serviçal [diakonos]. E qualquer que, dentre vós, quiser ser o primeiro será servo de todos. Porque o Filho do Homem também não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate de muitos” (Mc 10.43-45). (Lições CPAD Jovens e Adultos  2014 » 2º Trimestre).

1.1. O perigo de ser mal compreendido
Devemos orar por aqueles que pregam a mensagem à igreja, você sabia que muitos obreiros passam noites em claro refletindo a mensagem que pregaram e pedindo ao Senhor para não serem mal compreendidos? Portanto não se limite somente em pedir a Deus para usar os pregadores, mas também para o Senhor dar-lhes mais e mais de sua graça...
Veja um exemplo de má compreensão:
Detiveram-se, pois, muito tempo, falando ousadamente acerca do Senhor, o qual dava testemunho à palavra da sua graça, permitindo que por suas mãos se fizessem sinais e prodígios.
E dividiu-se a multidão da cidade; e uns eram pelos judeus, e outros pelos apóstolos.
E havendo um motim, tanto dos judeus como dos gentios, com os seus principais, para os insultarem e apedrejarem, (Atos 14:3-5).

1.2. Vivendo entre inimigo
É importante destacar que os inimigos mencionados pelo comentarista são os próprios Israelitas que não aceitavam as palavras vindas de Deus e se opunham ao profeta. Jesus disse que um profeta não tem honra em sua pátria.
Jesus lhes disse: "Só em sua própria terra, entre seus parentes e em sua própria casa, é que um profeta não tem honra".(Mc 6.4)
Explique para os alunos que quando rejeitamos as palavras de um homem de Deus, estamos rejeitando o próprio Deus.
Portanto, aquele que rejeita estas coisas não está rejeitando o homem, mas a Deus, que lhes dá o seu Espírito Santo. (1Ts 4.8).

1.3. Amigos inimigos
O comentarista foi muito feliz ao afirmar que Jeremias era rejeitado por fazer a vontade de Deus.
Uma grande preocupação hoje, inclusive muito comum acontecer, é ser rejeitado por causa dos maus testemunhos, pessoas que se dizem cristãos e escandalizam seus familiares e amigos. Sabemos que Jesus nos alertou sobre este assunto...
E disse aos discípulos: É impossível que não venham escândalos, mas ai daquele por quem vierem!
Melhor lhe fora que lhe pusessem ao pescoço uma mó de atafona, e fosse lançado ao mar, do que fazer tropeçar um destes pequenos. (Lc 17:1,2)
Na minha juventude fui o primeiro a me converter em minha casa, sabia que devia orar por minha casa e que a minha vida e testemunho tinha que falar mais que minhas palavras. Hoje pela graça do Senhor são todos salvos. Glórias a Jesus! 

2. JEREMIAS LAMENTA SUA CONDIÇÃO
O livro de Jeremias nos mostra que, enquanto os outros profetas procuravam esconder suas fragilidades, Jeremias deixa bem claro seu estado de sofrimento pelo povo. Ele escreveu seu livro com a alma e o coração, nos dando relatos comoventes de sua vida e de suas crises interiores. A fidelidade a Deus muitas vezes gera perseguição e morte (2Tm 3:12).
Neste tópico 2 veremos que em momento algum Jeremias omite seu lado humano e suas palavras mostram seus momentos de dificuldade, comum na vida de um homem de Deus.

2.1. Pare de reclamar e comece a viver
As palavras de Jeremias 12.1, não são motivos para criticas, mas para entendermos que por mais usados que sejamos por Deus estamos em uma estrutura limitada e sujeita a esgotamento e crises, como também foi o caso do profeta Habacuque que mencionei anteriormente:
Até quando, SENHOR, clamarei eu, e tu não me escutarás? Gritarei: Violência! E não salvarás?
Por esta causa, a lei se afrouxa, e a sentença nunca sai; porque o ímpio cerca o justo, e sai o juízo pervertido( Hc 1.2,4).

2.2. Como evitar conflitos existenciais
Amados, todos que estão envolvidos com a obra de Deus passarão por momentos de conflitos, é inevitável. Quando acontecer conosco atentemos para o conselho de Pedro:
Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós.(1 Pe 5:7).

2.3. Uma questão de confiança
Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele o fará.
Os passos de um homem bom são confirmados pelo Senhor, e deleita-se no seu caminho.
Ainda que caia, não ficará prostrado, pois o Senhor o sustém com a sua mão.       (Sl 37:5,23,24)
Esta confiança Jeremias tinha:
Bendito o homem que confia no Senhor, e cuja confiança é o Senhor.
Porque será como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro, e não receia quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e no ano de sequidão não se afadiga, nem deixa de dar fruto.(Jr 17:7,8).

3. VALE A PENA CONFIAR EM DEUS
O profeta Jeremias nos inspira a confiar somente no Senhor e nos orienta a desenvolver um relacionamento íntimo com Deus, que requer de nós uma adoração perfeita (Jr 17:7).

3.1. O legado de Jeremias
O nosso legado é uma das coisas que deixamos para as nossas gerações, talvez Jeremias não imaginasse que seu exemplo estaria nos ensinando e nos estimulando a continuar firmes no Senhor. Que tal perguntarmos para nossa classe qual o legado estamos deixando para auxiliar as próximas gerações.Que Deus nos ajude que seja um legado que possa levar pessoas para mais perto do Senhor.Infelizmente a muitos deixando legados voltados inteiramente para a prosperidade material.Senhor tenha misericórdia do seu povo!
Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam;
Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam.
Porque onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração.(Mt 6:19-21).

3.2. Crescimento na mudança
Jeremias aprendeu que não poderia confiar nos seus irmãos e na casa do seu pai. Para obter o sucesso na sua chamada, ele aprendeu que sua vitória estava em obedecer a voz  de Deus: “Assim diz o Senhor: Maldito o homem que confia no homem, e faz da carne o seu braço, e aparta o seu coração do Senhor.” (Jr 17.5).
Situações adversas nos fazem crescer, veja o que Paulo fala sobre isso:
E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a paciência,
E a paciência a experiência, e a experiência a esperança. (Rm 5:3,4).

3.3. Um profeta dependente de Deus
Estar nas mãos de Deus é enxergar o invisível, esperar o inesperado, ou onde não há mais esperança. Foi exatamente isso que vivenciou Jeremias:
Judá estava rodeada pelo inimigo. Seu aniquilamento era uma questão de dias. Em meio esta desordem, Jeremias compra do seu primo Hananel um terreno na cidade de Anatote. Deus deu ao povo, através da compra da propriedade por meio de Jeremias, uma esperança: “E comprar-se-ão campos nesta terra, da qual vós dizeis: Está deserta, sem homens nem animais; Está dada nas mãos dos caldeus” (Jr 32.43).(suplemento do professor)
Comprei, pois, a herdade de Hanameel, filho de meu tio, a qual está em Anatote; e pesei-lhe o dinheiro, dezessete siclos de prata.
E assinei a escritura, e selei-a, e fiz confirmar por testemunhas; e pesei-lhe o dinheiro numa balança. E tomei a escritura da compra, selada segundo a lei e os estatutos, e a cópia aberta. (Jr 32:9-11).
CONCLUSÃO
O relacionamento do profeta Jeremias com Deus vinha em primeiro lugar. Depois, vinha o árduo compromisso de anunciar a Palavra de Deus ao seu povo. Porém, tal atitude não o tornava muito popular entre o povo de Israel.

Bibliografia
Biblia de estudo pentecostal, Almeida revista e corrigida, Rio de Janeiro, CPAD
Revista EBD Betel Dominical Professor - 2 trimestre 2017, ano 27, número 103 - Editora Betel
PAE - Plano de Aula Expositiva - Auxílio EBD - http://editorabetel.com.br/auxilio/beteldominical/




1. Segundo o apóstolo Paulo, como deve agir um servo de Deus?
R: Deve negar-se a si mesmo, perdoar erros, aceitar opinião e ser visionário (Rm 15:1,6)

2. Como se chamava a cidade natal de Jeremias?
R: Anatote (Jr 11:21)

3. O que a fidelidade de Deus muitas vezes gera?
R: Perseguição e morte (2Tm 3:12)

4. O fato de estar sempre sozinho fez com que Jeremias se voltasse contra quem?
R: O Senhor (Jr 15:18)

5. De quem Jeremias comprou um terreno em Jerusalém?
R: Do seu primo (Jr 32:9)


                                    AGORA VAMOS AOS VÍDEOS SOBRE ESTA LIÇÂO.  TENHA BOM ESTUDO !                                  
Antes de Assistir os vídeos, se a radio do site estiver tocando, suba a página até a radio e 
toque no vídeo da musica que estiver tocando para interromper o som.



                 
                                                                                                                                                                                        
[     

Tem uma lição da Editora Betel comentada pelo Pr. Louvival Dias Neto, 1 Trimestre de 2002, "Lição 11 - A Igreja como voz profética para o mundo", onde encontrei muitos ensinamentos preciosos. Abaixo segue o ponto 1 na íntegra, pode ser de grande valia para esta Lição.

1. A VERDADEIRA VOZ PROFÉTICA É SOLITÁRIA
Um dos maiores equívocos do homem está expresso na seguinte frase:"a voz do povo é a voz de Deus". Em sua absoluta perfeição moral, a veracidade se torna o aspecto do caráter de Deus que mais confronta o homem desviado da verdade (Rm 3:4).
a) Solitária por natureza - Por seu caráter, a voz profética é de natureza solitária (Jo 1:23). Se tomarmos como exemplo os homens que falaram da parte de Deus no passado iremos constatar que, na maioria das vezes, eles falavam sozinhos, ou seja, não faziam coro com a multidão. Micaías, por exemplo, ficou sozinho para dizer a verdade ao rei Acabe (I Rs 22:14), contra os profetas mentirosos (I Rs 22:6). Elias teve que lutar contra a mentira e a idolatria num dos piores períodos da sua nação (I Rs 18:22). Com a Igreja não é diferente, o mundo moderno conspira contra a própria noção da verdade (Rm 1:24,25), e para ser a verdadeira voz profética a igreja precisa aceitar a solidão do seu ofício.
b) Solitária por sua hora - Historicamente, a manifestação da verdadeira voz profética se deu nos momentos de maior crise. Talvez aí se explique o seu caráter solitário. Elias chegou a se queixar a Deus por se sentir só (I Rs 19:10). João Batista, como uma voz, clamava em tempos difíceis, anunciando a chegada de um novo tempo (Lc 3:1-16). Somos parte de uma geração que precisa conhecer a nossa hora, principalmente do ponto de vista dos acontecimentos proféticos.
c) Solitária por sua aspiração - Os homens mais solitários são aqueles a quem é confiada uma mensagem verdadeiramente profética (Lc 5:16). Por causa do seu zelo e de suas aspirações, dificilmente são cercados de multidões. Não é fácil acompanhar um profeta como Noé, que pregou a mensagem de arrependimento aos seus contemporâneos sem que uma alma se arrependesse (Hb 11:7; II Pe 2.5). Seguir os passos de um Paulo que ansiava por ver o mundo convertido a Cristo, mas convivia com o sentimento de solidão: "Bem sabes isto: que os que estão na Ásia todos se apartaram de mim; dentre os quais foram Fígelo e Hermógenes" (II Tm 1:15). Se a Igreja sonha com a verdade, a justiça, o perdão, a paz, ela deve estar preparada para não contar com as multidões.

                                                         MUSICAS ESCOLHIDAS DESTA SEMANA                                                                
Antes de Assistir os vídeos, se a radio do site estiver tocando, suba a página até a radio e 
toque no vídeo da musica que estiver tocando para interromper o som.

 Não Calarei 
 Tempo: 5:00 Minutos - Porta da Paz Music (Clipe OFicial) 

                                                                                                                                                                                      

Nenhum comentário:

Postar um comentário